Copy
Fotos da caminhada de 25 de Janeiro; Síndrome do Canal Cárpico
View this email in your browser
Caros Amigos, 

Mais uma vez estamos convosco para partilhar e por isso aqui vão as fotos da nossa última caminhada onde fomos 60!!!
Não posso no entanto deixar de comentar/partilhar convosco uma notícia menos boa, como é o caso do aumento da mortalidade infantil que se verificou em Portugal. Sendo este um indicador precioso de como vai a saúde em cada país, não podemos deixar de nos entristecer que restrições económicas comecem a ter consequências dramáticas. 
 
Pela nossa parte tentamos contribuir para melhorar a saúde em geral e das crianças e jovens em particular. Para isso contamos com a colaboração da nossa Pediatra a Dra. Cristina Rio e dos outros especialistas, nomeadamente em consulta de alergologia infantil, ortopedia infantil, psicologia infantil e familiar e orientação profissional. 

Um Abraço, 

Silvia Saraiva
Síndrome do Canal Cárpico: Sintomas e Tratamento

O que é?

É a neuropatia compressiva mais frequente no membro superior.
Trata-se portanto da compressão do nervo mediano ao nível do punho.


Porque acontece?

A origem do problema é a inadequação entre o conteúdo e o continente, provocando o aumento da pressão dentro deste canal e levando à compressão de todas as estruturas que nele passam.
Em 95% dos casos não se conhece a causa precisa, podendo ocorrer, nos restantes 5%, na sequência de fratura do rádio, insuficiência renal, gravidez (por retenção de líquidos) e em doenças que aumentem a deposição de matriz extra-celular.
 

A quem afeta?

É mais frequente nas mulheres, a partir da 3ª década de vida. É típica na mão dominante podendo ocorrer de forma bilateral.
Certas profissões têm incidência aumentada (todas as que envolvem tarefas repetitivas com as mãos) razão pela qual consta da lista de Doenças Profissionais.


Sintomas

Os sintomas incluem:
  • dor e formigueiros na mão e dedos (excluindo o mais pequeno que é enervado pelo nervo cubital) mais intensos à noite e agravados pela flexão do punho
  • diminuição da sensibilidade
  • sensação de choque eléctrico à percussão da região e
  • atrofia da musculatura da base do polegar (sinal tardio).

Normalmente as pessoas acordam de noite com estes sintomas, levantando os braços e sacudindo as mãos para o seu alívio. Podem também ter dificuldade com certas tarefas (cortar batatas, escrever, trabalhar ao computador, costurar, etc) e notar perda de força da mão (deixam cair objectos com maior frequência).


Tratamento 

Deve evitar-se o atraso no diagnóstico e tratamento, dado que nos casos mais avançados o prognóstico é mais reservado.

O tratamento inicial envolve o uso de medicamentos, alteração dos hábitos diários, uso de talas nocturnas e,eventualmente, infiltrações.

Na falência destes tratamentos está indicada a realização de uma pequena cirurgia, habitualmente com anestesia local e sem necessidade de internamento e onde se liberta o referido nervo.

Dr. Frederico Teixeira
Médico Ortopedista na CliVip. Especialização em Mão e Punho.
Responsável da consulta de Cirurgia da Mão do Hospital Curry Cabral

 
Fotos da Caminhada de 25 de Janeiro - Serra de Sintra 
Veja mais fotos no nosso facebook

Rastreios Gratuitos na Clivip - 25 de Fevereiro

  • Glicémia; 
  • Peso; Tensão Arterial
  • Tensão arterial;
  • % Massa Gorda; Massa óssea, Massa de àgua e Massa Muscular; 
  • Taxa metabólica basal e Idade metabólica
Horário - 8h30 - 12:30; 15-18h 
 
Share
Forward to Friend
Copyright © 2014 Clivip, Policlínica médica, All rights reserved.


unsubscribe from this list    update subscription preferences 

Email Marketing Powered by Mailchimp