Copy
OFERECIMENTO
Social Bank negocia operação de M&A; quatro conversas estão avançadas
O Social Bank está em conversas avançadas com fintechs, inclusive internacionais, para uma operação de M&A. O objetivo é que o movimento seja concluído nos próximos 90 dias, revela ao Finsiders Rodrigo Borges, CEO do Social Bank. [Leia mais]
Creditas tem alta na carteira de crédito; prejuízo cresce quase 26% no 1º tri
A Creditas nasceu com crédito de garantia de imóvel e veículo, e vem diversificando a atuação. Hoje, também oferece consignado privado, antecipação de salário e, sem alarde, adicionou planos de previdência privada em parceria com a Icatu Seguros[Leia mais]
Startup que faz o financeiro de pequenas empresas recebe cheque de R$ 400 mil 
A Manda pro Financeiro acaba de receber um cheque de R$ 400 mil, em round liderado pela investidora Angélica Nkyn, membro da Anjos do Brasil. O fundador da startup, Zé Guilherme Cardoso, conta a estratégia e os planos de crescimento. [Leia mais]
Como o Nubank usa dados e tecnologia para mapear a vida financeira dos brasileiros
O primeiro estudo divulgado pelo Data Nubank, em 2020, foi para saber como o brasileiro estava usando o auxílio emergencial. A área foi criada no ano passado pelo banco digital, explicou Rafaela Nogueira, durante o Fintouch, evento da ABFintechs[Leia mais]
Foi notícia na última semana

Hash fecha rodada Série B de US$ 15 milhões

A Hash anunciou na última semana uma rodada Série B de US$ 15 milhões liderada pela QED Investors (que já investiu na Cora), acompanhada por Kaszek e Canary. O valor captado será aplicado para escalar a infraestrutura da fintech, que prevê processar mais de R$ 1,5 bilhão neste ano -- em 2020, processou mais de R$ 300 milhões em pagamentos. Além da otimização da plataforma, a Hash pretende expandir suas operações e oferecer serviços bancários, ampliando a descentralização de oferta de pagamentos como faz desde 2017, quando nasceu. 

Open Co anuncia captação de R$ 1,5 bilhão via FIDC

A Open Co, criada pela fusão de Geru e Rebel, divulgou a captação de R$ 1,5 bilhão por meio do lançamento de um FIDC. Desse montante total, até aproximadamente R$ 1 bilhão (cota sênior) vem do Goldman Sachs, que também participou de uma rodada de equity na companhia no último mês — os outros R$ 500 milhões vêm dos investidores locais, além de recursos próprios. Antes da fusão, Geru e Rebel haviam feito em crédito, juntas, R$ 1,5 bilhão e a previsão para este ano é que a Open Co conceda mais R$ 1 bilhão em crédito. 

Credijusto adquire Data Analytics Visor

A mexicana Credijusto acaba de comprar a Data Analytics Visor. A fintech atua no Brasil e no México, analisando informações sobre PMEs por meio de fontes diversas com o uso do big data. A Visor já recebeu mais de R$ 65 milhões de fundo, como American Express Ventures e BlueRun Ventures, antes da operação. Desde sua fundação, a Visor já avaliou mais de 15 mil empresas e 40 instituições, além de ajudar os pequenos negócios a conseguirem mais de R$1,3 bilhão em crédito. Com a venda da Visor, os fundadores têm como plano investir em novos projetos brasileiros.

Cristiano Hernandes chega à Yapay

A Yapay anunciou a contratação do novo diretor de operações e riscos, Cristiano Hernandes. A chegada de Hernandes à unidade de pagamento do Grupo Locaweb promete acrescentar no processo de expansão e segurança da plataforma. Hernandes tem experiência de 20 anos, trabalhando em grandes instituições, como Credicard, Alelo, Bradesco e Hub Fintech.

Nomad lança plataforma de investimentos em dólar

O banco digital Nomad, que oferece uma conta corrente internacional para brasileiros, anunciou uma nova plataforma de investimentos internacionais em dólar para brasileiros. A fintech projeta alcançar mais de 100 mil clientes ativos no país ainda este ano. A empresa recebeu um aporte de R$30 milhões da Monashees em 2020 (que também já investiu no Neon), e agora firmou parceria com a Drivewealth

Assoprando as velinhas: aceleradora Wayra comemora seu 10º aniversário

A Wayra comemora seu décimo aniversário, e neste período vem ajudando a transformar os ecossistemas de empreendedorismo na Europa e na América Latina. Na última década, foram investidas globalmente 800 startups, impulsionando a criação de mais de 10 mil empregos. Desde sua criação, a Wayra Brasil representa aproximadamente 10% das startups investidas, sendo ao todo mais de R$ 19 milhões em 79 startups brasileiras. A Wayra foi uma das primeiras aceleradoras corporativas a chegarem ao Brasil, em 2012. Seu portfólio atual contém 32 startups, entre elas, as fintechs QueroQuitar e Monkey Exchange

(Por Victoria Roberta, com supervisão de Danylo Martins)

Live da semana (merchan próprio)

Vou mediar um papo com Ricardo Guimaraes Filho, CEO da Bit Capital, e Francisco Ferreira, CEO da BizCapital. O evento é gratuito. Inscreva-se aqui.

Tem alguma notícia quente? Conta pra mimdm@finsiders.com.br. Garanto o sigilo da fonte.

Gostou do conteúdo? Compartilhe!

Compartilhe
Abraços,
Danylo Martins
Fundador e editor-chefe

Siga a Finsiders: LinkedIn | Twitter | Instagram
LinkedIn
Twitter
Instagram
Website
Copyright © 2021 Finsiders.com.br, All rights reserved.

Our mailing address is:
dm@finsiders.com.br

Want to change how you receive these emails?
You can update your preferences or unsubscribe from this list.